A UEFA divulgou hoje o novo modo de disputa de suas competições europeias, válido a partir de 2024/2025

Na manhã desta terça-feira (10/5), a UEFA (União das Associações Europeias de Futebol) aprovou mudanças no formato de disputa dos seus torneios continentais.

Assim, tanto a queridinha Champions League, quanto a Liga Europa e a Liga Conferência Europa, competições de segunda e terceira linha, terão a inclusão de mais participantes, além de um novo método de seleção do campeão.

A Orelhuda é o sonho de todos os clubes europeus de elite: Real Madrid ou Liverpool vão levar o troféu para casa este ano mais uma vez. (Créditos da imagem: https://sportbuzz.uol.com.br/noticias/eduardo-colli/saiba-mais-trofeu-da-champions-league-orelhuda.phtml

As alterações entrarão em vigor a partir da temporada 2024/2025. Assim, não haverá mais fase de grupos com 4 equipes como atualmente. Desse modo, a primeira fase terá 8 rodadas. Um clube faz então 8 partidas iniciais durante pouco mais de 2 meses.

Porém, serão 8 adversários diferentes, de maneira que se, por exemplo, o Barcelona enfrentar a Juventus fora de casa, não haverá jogo de volta na Itália.

Além disso, haverá 36 clubes no total e não 32. Apenas os 8 melhores no total se classificam de modo direto para a fase de mata-mata.

A taça da Liga da Europa, que será decidida este ano entre Eintracht Frankfurt, da Alemanha, e Rangers, da Escócia. (Créditos da imagem: https://desporto.sapo.pt/futebol/liga-europa/artigos/manchester-united-e-favorito-na-final-da-liga-europa-mas-villarreal-tem-unai-emery

Nessa tabela geral, os clubes que ficarem entre o nono e o vigésimo quarto jogam entre si no estilo ida e volta. Assim, desses 16 participantes, sobram 8, que irão se confrontar contra os 8 melhores.

Já os clubes que ficarem classificados entre o vigésimo quinto e o trigésimo sexto lugares caem fora da Champions League.

Isto irá garantir 2 jogos a mais, na fase inicial, para todos, aumentando a quantidade de renda graças ao público e às transmissões televisivas.

As 4 vagas a mais serão distribuídas conforme a regra da UEFA. Ou seja, haverá uma vaga direta para o campeão nacional, além de outra para o clube que ficar no terceiro lugar do país que estiver na quinta colocação no ranking da UEFA, que tabela todos os seus federados.

Por fim, as outras duas vagas vão para países que tiveram o melhor desempenho no ano anterior (com base no coeficiente do ranking da UEFA).

Para a Liga Europa e a Liga Conferência da Europa, o esquema é idêntico, apenas em lugar de 8 rodadas iniciais, mantêm-se o número de 6 partidas.  

Compartilhe esse conteudo