Jogador acumula boas atuações com a seleção da Argentina e com o time holandês

Um dos defensores argentinos mais seguros dos últimos anos, e que vem acumulando boas temporadas com a camisa do Ajax (Holanda), Tagliafico se destaca na equipe comandada por Ten Hag, e é o titular do lado esquerdo da defesa do clube holandês.

Nascido em Buenos Aires, no dia 31 de agosto de 1992, Tagliafico começou a sua trajetória no futebol argentino, no time do Banfield. Ao todo, foram cinco temporadas defendendo a camisa de um dos clubes mais conhecidos da Argentina.

Jogador de futebol no campo

Descrição gerada automaticamente
Tagliafico acumula convocações para a Seleção Argentina ao longo de sua carreira. Foto: Rio Negro Diario

Depois disso, o desafio do jogador, seria assumir a posição de titular, do Independiente. O maior vencedor da Copa Libertadores da América, apostava em Tagliafico para ser o lateral-esquerdo titular do time no ano de 2015.

Com um processo de maturação gradual, e de diversas etapas vencidas pelo jogador, o lateral viveu no Independiente, uma das melhores fases de sua carreira, passando a ser convocado para a seleção da Argentina.

Começo do Banfield é cercado pela desconfiança

Uma das crias das categorias de base do clube argentino, Tagliafico demora a engrenar na equipe do Banfield. Depois de três temporadas, durante o Campeonato Argentino de 2011/12, o jogador começa a ter mais tempo na equipe principal.

Naquela temporada, o jogador acumulou 33 jogos, dos 38 disputados pela equipe argentina, no Campeonato Argentino de 2011/12. As atuações de destaque do jogador, chamaram a atenção do Real Murcia (Espanha).

Jogador de futebol no campo

Descrição gerada automaticamente
Lateral teve destaque no Banfield antes de chegar ao Independiente. Foto: Aluno

A princípio, a ida do jogador por empréstimo, com passe fixado, teve a esperança de que o jogador deslanchasse no time espanhol. Depois de bons jogos pelo Murcia, a equipe espanhola acabou devolvendo o atleta, por conta da alta pedida do Banfield para vender o jogador.

Depois disso, mais das temporadas como titular do Banfield, credenciaram o atleta ao time do Independiente. No maior vencedor da Libertadores, Tagliafico se destaca e deslancha, conseguindo boas atuações pelo clube.

Pelo Independiente, Tagliafico é um dos destaques do time

Um dos jogadores presentes na conquista da Copa Sul-Americana de 2017, Tagliafico fez uma ótima competição continental. Aquele ano, inclusive, marcava a estreia do jogador na Seleção Argentina, sob o comando de Jorge Sampaoli.

No gigante clube argentino, Tagliafico foi uma das grandes peças da equipe na disputa em que deu ao Independiente o seu último título continental. Na final da competição, o adversário foi o Flamengo.

Homem segurando bola de basquete

Descrição gerada automaticamente
Jogador foi capitão e um dos principais atletas da conquista da Sul-Americana em 2017 diante do Flamengo. Foto: Trivela

Depois de vencer o rival brasileiro jogando em casa na primeira partida por 2 a 1, o Independiente levantou o troféu na casa do Mengão. Com o Maracanã lotado, o Flamengo apenas empatou com o Independiente, que saiu campeão da Sul-Americana daquele ano.

Para a próxima temporada, Tagliafico permaneceria por pouco tempo na equipe argentina. Depois de boas atuações ao longo de três anos como lateral titular do Independiente, o defensor foi negociado com o Ajax em 2018.

A chegada na Holanda e o encontro com o ótimo time do Ajax

Para a temporada 2018/19, o Ajax tinha como proposta, a reformulação completa da equipe. O time que misturava a contratação de jovens promessas da América do Sul, com revelações holandesas como De Ligt e De Jong, bateu na trave na Champions League.

Pelo torneio continental, o time holandês emplacou boa campanha na fase de grupos, e depois avançou para a reta final da competição. O primeiro adversário, foi o Real Madrid. Depois de perder o primeiro jogo em casa, o Ajax buscou a virada e levou a melhor na decisão do Bernabeu.

Depois do Real, outro gigante marcaria a trajetória do Ajax: a Juventus comandada por Cristiano Ronaldo. O empate em casa no primeiro jogo, por 1 a 1, dava a segurança para a equipe italiana, que decidira em casa a disputa pela vaga na semifinal.

Jogador de futebol

Descrição gerada automaticamente
Na Holanda, Tagliafico é titular, e um dos pilares da forte defesa do Ajax, comandado por Ten Hag. Foto: Mercado do Futebol

Porém, o que se viu em campo, foi o Ajax sabendo se portar, e se impondo diante da Juventus com seu estádio lotado. Ao final do jogo, a vitória por 2 a 1, que garantiu o time na semifinal da competição continental, colocava o Ajax como uma das grandes surpresas do campeonato.

Agora, o rival pela disputa, seria o Tottenham, da Inglaterra. Em dois confrontos eletrizantes, o Ajax venceu o jogo de ida, por 1 a 0. Mas na volta, a equipe inglesa que teve em Lucas, atacante brasileiro, o grande destaque do jogo, virou a eliminatória e venceu o time holandês por 3 a 2, eliminando o Ajax da Champions League.

Dois anos depois, Tagliafico faria história com a Argentina

Com consecutivas temporadas positivas no Ajax, Tagliafico fez parte do grupo campeão da Copa América de 2021 com a Argentina. O jogador, que fez uma boa competição, tinha ali, o principal título de sua carreira.

A Argentina que vinha de um jejum de 28 anos sem títulos, encarou o Brasil na final da Copa América, disputada no Maracanã. O time comandado por Lionel Scaloni, teve em Di Maria, o gol da vitória dos hermanos.

Tagliafico, que fez parte da campanha, revezava com Acuña, seu concorrente pela titularidade, o revezamento no time titular da Argentina. Ali, o lateral-esquerdo cravava seu nome na história, por fazer parte do grupo vencedor com a seleção nacional.

Hoje, Tagliafico ainda joga no Ajax, e é um dos grandes nomes da equipe. Titular e dono da posição na lateral-esquerda, o defensor argentino é um dos pilares do sistema defensivo montado pelo técnico Ten Hag.

Quer conhecer mais histórias como essa de Tagliafico? Aqui no Bets, você não perde nenhum lance e vive ligado em tudo o que rola no mundo da bola!

Compartilhe esse conteudo