O sistema de Ligas no futebol da Bélgica, que coordena as realizações de campeonatos e a escolha de times que vão enfrentar uns aos outros, possui várias modalidades em sua hierarquia. E uma dessas modalidades é a 1ª divisão B da Bélgica, que na verdade é a 2ª divisão mais importante do sistema de ligas do País.

A primeira divisão B da Bélgica também é muito conhecida como a 1B Pro League. Ela somente fica abaixo da 1ª divisão A da Bélgica em sua relevância.

ORIGEM.

No ano de 2016, a Pro League 1B da Bélgica foi criada pela Royal Belgian Football Association, com o objetivo de substituir a antiga 2ª divisão Belga de futebol. Depois que houve uma reformulação no sistema de ligas no futebol da Bélgica, os dirigentes da instituição resolveram alterar o número de clubes profissionais que disputam seus jogos pela Liga.

(crédito:futbol jobs.com) Logomarca patrocínio 1B Pro League

Em relação aos clubes profissionais da elite, eles foram reduzidos para 24 times, enquanto que os times da modalidade inferior, na 1ª divisão B, os times ficaram em 8 clubes.

ESTRUTURA DAS DIVISÕES.

Em épocas passadas, durante os anos de 1973 a 2016 existia a segunda divisão belga que adotava o seguinte procedimento: O clube vencedor da 2ª divisão e o outro vencedor do playoff tinham direito de obter o passe livre para serem aceitos na 1ª divisão. Mas a partir de 2016, houve essa alteração, de que o vitorioso da 2ª divisão não teria mais o seu ingresso garantido pela promoção.

Pela nova estrutura em que foi formada agora, o campeonato se torna dividido em 2 etapas abrangendo 15 jogos. Então, aqueles clubes vencedores de uma primeira etapa acabam competindo entre si mesmos em uma final. Assim, se acontecer de um clube sair vitorioso nas duas etapas ele automaticamente poderá subir para o próximo nível mais alto.

No ano de 2017, ocorreu algo interessante com o clube Lierse. Ele participou com grande desenvoltura em todo o campeonato, apresentando um futebol maravilhoso.

Porém apesar de ter conquistado a sua vitória completa como o grande campeão da Liga, o clube Lierse acabou não conseguindo vencer nenhuma etapa. E assim, não obteve nenhuma promoção. Contudo, os clubes Antuérpia e o SV Roeselare acabaram disputando aquela final.

(crédito: kvc westerlo.be) – kvc westerlo x K Beerschot VAC.

Os grandes clubes de futebol e as grandes instituições que coordenam esse universo gigantesco dos esportes, geralmente possuem patrocinadores que investem bastante em suas marcas. E no caso da Pro League 1B também existem muitas empresas que desejam fazer parte desses acordos.

Durante as temporadas de 2016 até 2020 as competições foram chamadas de Proximus League, devido ao fato de estarem sendo patrocinadas pelo gigante grupo empresarial da Bélgica, a operadora de telecomunicações, a Proximus Group.

NOVAS DIRETRIZES.

Nos anos à frente, após 2019, as novas diretrizes relacionadas com as competições envolvendo a Pro League 1B da Bélgica, começaram a ser aplicadas. Até por volta de 2020, os esquemas de marcação de jogos e disputas entre clubes eram feitos da seguinte forma:

O período da temporada consistia em separar 2 competições distintas, em que todas as 8 equipes tivessem a oportunidade de jogar entre si por pelo menos 2 vezes.

Daí, os clubes vencedores das duas partidas iriam se enfrentar novamente em um playoff de 2 mãos. No final da disputa, o grande vencedor seria então promovido e condecorado como o grande campeão, para a 1ª divisão A da Bélgica.

E no caso das outras equipes que restaram, ficaria então, dessa forma: os 3 primeiros clubes do ranking, da 1ª divisão B, excluindo a que foi promovida, estariam enfrentando todas as outras equipes que ficaram em 7º até 15º colocados, da 1ª divisão A da Bélgica, em um playoff que acabaria abrindo as portas para a UEFA Europe League.

E no caso dos outros times restantes, eles deveriam então disputar um outro playoff de rebaixamento, sendo que a última de todas as equipes iria voltar para a 1ª divisão Amadora da Bélgica.

(crédito:getty imagesBSR Agency / Colaborador) KV Mechelen X R WDM

Ainda no período de 2019, as melhores 6 colocadas teriam a grande chance de participar em playoffs da Liga da Europa. Inclusive até mesmo a própria equipe que havia sido promovida.

Porém, as 2 últimas equipes com menor pontuação, estariam enfrentando o playoff de rebaixamento, e deveriam se enfrentar mutuamente por 5 vezes.

Mas depois do ano de 2020, as coisas voltaram a se alterar de novo. A partir daquele ano, o esquema de separar 2 competições distintas acabou. O que viria a frente seria uma nova fase de competições onde haveria uma liga quadrupla de round - robin, sendo que todos os clubes deveriam se enfrentar por 4 vezes.

Então, no final da temporada, o clube que conseguisse obter maior pontuação com uma ótima classificação na tabela, poderia ser homenageada como campeã e ser promovida.  Mas no caso da 2ª colocada ela deveria disputar um playoff de 2 mãos, e assim enfrentar o 15º colocado da elite da 1ª divisão A da Bélgica.

Nessa etapa agora de 2022/2023, as quatro últimas equipes que estiverem na reserva da 1ª divisão A serão também incluídas, agora, na Liga.

A própria Liga e seus analistas serão os responsáveis pela escolha dessas equipes com base na sua classificação da Liga profissional de Reservas da Bélgica deste mesmo ano.

  NOVOS PATROCÍNIOS.

Nessa nova fase de negociações agora, com o começo do ano, algumas alterações relacionadas a patrocinadores da Pro League 1B da Bélgica acabaram ocorrendo.

Por exemplo, o Grupo Proximus durante alguns anos transmitiu todos os principais jogos e campeonatos das principais Ligas da Bélgica. O grupo Telenet também possuía os direitos de transmissão referente a 1 jogo aleatório por semana.

Porém, a partir do mês passado, a Elleven Sports passou a ser o novo patrocinador de todos os jogos e campeonatos da Bélgica, incluindo os jogos da Supercopa, 1ª divisão 1 A e 1ª divisão 1B.

(crédito:wikipedia) Logomarca patrocinador Eleven.

A Empresa esboçou a sua satisfação ao mencionar o grande orgulho que estão sentindo por terem aproveitado esse grande privilégio de fazerem parte dessa aliança.

Os executivos da empresa, Jorge Pavão, e Guillaume Colard, esboçaram seus sentimentos, e disseram:

“Esta renovação faz parte da estratégia da Eleven para consolidar e aumentar o nosso portfólio de direitos esportivos de referência em Portugal. A Bundesliga teve um crescimento de dois dígitos em popularidade em Portugal no último ciclo de direitos de transmissão, com grandes atuações de jogadores como André Silva, Raphael Guerreiro e Gonçalo Paciência.

Gostaríamos de agradecer à Bundesliga pela confiança que depositaram em nós, e esperamos continuar a trazer ao nosso público o melhor do futebol alemão nas próximas temporadas”, acrescentou Jorge Pavão de Sousa, diretor executivo da Elleven Sports em Portugal.

“Na Eleven, queremos servir aos fãs com o melhor esporte ao vivo do mundo. Garantir os direitos da Bundesliga por mais quatro anos é um passo importante para cumprirmos essa missão. Acompanhar jogadores belgas como Thorgan Hazard e Koen Casteels em ação mostra que a Bundesliga tem muito a oferecer aos fãs na Bélgica e no Luxemburgo. Nosso novo acordo é a prova da parceria que construímos com a Bundesliga nos últimos anos, e estamos ansiosos para continuar a trabalhar juntos nas próximas temporadas”, finalizou Guillaume Collard, diretor executivo da Elleven Sports na Bélgica e em Luxemburgo.

Nós que somos torcedores só temos a agradecer por essa iniciativa da empresa Eleven, não é verdade?

O que você achou, amigo torcedor, das novas diretrizes aplicadas esse ano para os próximos campeonatos?

Deixe aqui a sua opinião conosco, e vamos em frente, torcendo juntos pelo nosso time preferido, e torcendo também pela felicidade de todos os grandes jogadores guerreiros que fazem a alegria de milhares de pessoas!

Nós do grupo Bets, torcemos também por VOCÊ!

Compartilhe esse conteudo