Treinador tricolor acredita que pontuação ainda é ilusória, já que apenas cinco rodadas foram jogadas na competição

O São Paulo empatou ontem (8/5) com o Fortaleza na Arena Castelão por 1 a 1, após grande sequência de jogos fora de casa. Foram 6 partidas longe do Morumbi nos últimos 7 compromissos, o que fez o técnico Rogério Ceni rodar bastante a equipe.

Mesmo fazendo uma boa rotação no elenco, Rogério Ceni ainda sofre com muitos desfalques por conta de lesões. (Créditos da imagem: https://twitter.com/ESPNBrasil/status/1523654016558850052

E a estratégia deu resultado: o tricolor paulista está na quinta colocação do nacional, com 8 pontos. Mas o treinador acredita que a "pontuação é ilusória nesse momento".

Segundo Rogério Ceni, “Muita coisa vai acontecer, período com muitos jogos, equipes com três competições. Vamos ter a janela de transferência que sempre tem times que perdem jogadores, é importante ver quem vende mais, quem contrata mais”.

Vale lembrar que o ex-goleiro são-paulino tem experiência para afirmar tudo isso. Ele foi tricampeão como jogador, além de ter conquistado um título comandando o Flamengo em 2020.

Portanto, sabe que nessa maratona importa apenas a posição final. Não à toa, o seu rubro-negro levantou o caneco apenas na última rodada, mesmo com derrota para o São Paulo. Na altura, o Internacional de Abel Braga disputava ponto a ponto quem seria o campeão.

O meia Andre Anderson, emprestado pela Lazio, fez a sua primeira partida como titular pelo tricolor neste domingo. (Créditos da imagem: https://twitter.com/SaoPauloFC/status/1523414318850531329

O próximo compromisso do São Paulo será contra o Juventude, no Morumbi, pela Copa do Brasil. O tricolor jamais venceu esta competição de mata-mata nacional, tendo como melhor resultado um vice para o Cruzeiro em 2000. O jogo de ida contra o time de Caxias do Sul terminou em empate por 2 a 2.

O elenco e a comissão técnica já estão de volta à capital paulista e devem treinar já nesta tarde. Ceni afirmou que o calendário tem castigado a sua equipe:

"Temos que montar um São Paulo para tentar passar na Copa do Brasil. É uma sequência grande de jogos e viagens. A gente saiu às 22h em Viña Del Mar e fomos chegar 9h no CT, passa a noite toda viajando. A gente tem a mudança de temperatura.

A cada três dias com viagem é pesado. Vamos tentar dentro dos nossos domínios fazer um jogo melhor e ter melhores resultados. Empatamos muito fora de casa nessa sequência", afirmou o treinador.

O retrospecto do confronto entre São Paulo e Juventude é favorável ao tricolor: são 9 vitórias do São Paulo, 6 do Juventude e 8 empates. O jogo de volta pela Copa do Brasil está marcado para as 21h30 desta quinta-feira.

Compartilhe esse conteudo