O atleta que era do Goiás enfrenta sequelas graves depois de se curar do Covid-19.

Léo Sena se consagrou como uma das revelações do time Alviverde, sendo um dos últimos destaques da equipe, deixando o clube em 2020, época em que o Atlético Mineiro anunciou sua contratação por cerca de 4 milhões de reais.

Atualmente o futebolista joga no Spezia Calcio, mas havia sido vendido para o Atlético-MG. Foto: esportegoiano.com

No entanto, sua passagem no Atlético-MG não ganhou tanto destaque, vez que recebeu poucas oportunidades de entrar em campo. Com isso, ainda em 2020 o jogador foi emprestado ao time italiano, Spezia Calcio.

No futebol italiano o volante, que atualmente está com 26 anos, parece ter deslanchado, o que trouxe muito orgulho para o torcedor do esmeraldino que seguia acreditando no potencial do jogador que se desenvolveu no clube.

Enfrentando equipes como Milan e Juventus, Léo Sena foi conquistando espaço no futebol italiano, no entanto, causou preocupações nos torcedores ao simplesmente desaparecer da mídia nas temporadas de 2021 e 2022.

Ao apurarem o motivo do sumiço do jogador, repórteres do Esmeraldino.com e o jornalista Victor Pimenta, descobriram que o volante está afastado em virtude de uma miocardite. O futebolista teve Covid-19, e apesar de se curar da doença, apresentou sequelas graves.

Pelo time alviverde, Léo Sena disputou 185 jogos, mandando a bola para rede apenas uma vez, no entanto, os torcedores gostavam do carisma e atuação do futebolista. Foto: sagresonline.com

A doença considerada rara, e pouco conhecida, é causada por uma inflamação viral grave que ataca o coração enfraquecendo-o. Apesar dos riscos a doença é transitória, mas deve ser tratada com cuidado, os sintomas incluem dor forte no peito, palpitações e até mesmo falta de ar.

O diagnóstico e os cuidados médicos são os maiores aliados na hora de tratar a doença. Apesar de rara, ela tem se manifestado com uma certa frequência em pacientes que tiveram o Covid-19, a exemplo disso é o também jogador, Alphonso Davies, lateral do Bayern.

Outro que recentemente também foi diagnosticado com a inflamação foi o zagueiro, Daley Blind, do Ajax. O futebolista se sentiu mal durante uma partida, e ao realizar uma bateria de exames recebeu o diagnóstico da doença, tendo colocado um marca-passo.

Quanto a Léo Sena, tem se recuperado e descansado bastante, realizando treinos leves, até se recuperar totalmente e poder voltar a campo. O jogador que ganhou o coração dos torcedores do time esmeraldino pela garra em campo, agora  luta para poder voltar para o lugar que tanto ama. Desejamos uma recuperação completa a todos que vem enfrentando esse problema.

Compartilhe esse conteudo