No duelo dos Atléticos, o time da casa levou a melhor e agora os comandados de Simeone tem a vaga em risco na próxima Champions League

O Athletic Bilbao venceu o Atlético de Madrid em casa neste sábado (30/4) por 2 a 0, em jogo válido pela trigésima quarta rodada. O Real Madrid conquistou o título antecipadamente ao golear o Espanyol no Santiago Bernabéu por 4 a 0.

Grande vitória em casa do Bilbao, num estádio San Mamés repleto de torcedores, que cantaram e apoiaram o tempo todo. (Créditos da imagem: https://twitter.com/AthleticClub/status/1520526953366888449

Agora, o Bilbao chega aos 51 pontos e ainda sonha com uma vaguinha na próxima Liga Europa. Betis e Real Sociedad têm 57 e 55 pontos respectivamente. No entanto, a vantagem de ambos pode subir, já que jogam apenas amanhã, no domingo. De qualquer modo, o Bilbao não corre mais riscos de rebaixamento nesta temporada.

Por outro lado, o Atlético de Madrid segue em sua decadência no fim de La Liga, o que é perigosíssimo para as pretensões de Simeone para o próximo ano. Desse modo, os colchoneros têm 51 pontos, no quarto lugar, apenas 4 acima do Betis, que, se vencer o Getafe fora de casa, diminui a distância para apenas um ponto, faltando ainda 9 em disputa.

(Créditos da imagem: https://twitter.com/Atleti/status/1520493782181068800

Após a partida, Diego Simeone declarou: "Em que pese o esforço e o compromisso que a equipe teve, custou demais para encontrarmos o caminho neste jogo".

Sobre a dificuldade colchonera em marcar gols e vencer partidas, Simeone filosofou: "O futebol é como a vida: há momentos e momentos. Há que saber estar nos momentos difíceis, que foram poucos nestes últimos dez anos e meio".

O Bilbao fez uma pressão intensa no início, uma verdadeira blitz, e foi recompensado com o gol contra de Mario Hermoso, logo a oito minutos de jogo. O Atlético de Madrid ficou zonzo e demorou a entrar na partida. Só no finzinho do primeiro tempo é que Kondogbia levou algum perigo ao gol adversário.

Se na segunda etapa Grizmann gelou o San Mamés ao cobrar uma falta na barra horizontal, o Bilbao não se deixou abater e marcou o segundo em seguida, de pênalti.

Inaki Williams converteu e correu para o abraço. A partir daí, os problemas colchoneros foram os conhecidos: falta de criatividade e poder de fogo para superar o bloqueio defensivo adversário. Ficou nisso: Bilbao 2 x Atlético de Madrid 0.

Marcelino Garcia Toral, que até teve o seu nome cogitado na seleção espanhola, diminuiu o fogo da torcida, que deseja uma vaga na Liga Europa: “Merecemos ganhar porque estes jogadores fizeram uma grandíssima partida em todas as facetas do jogo. Me sinto orgulhoso deles. O importante é ganhar partidas e somar pontos".

Compartilhe esse conteudo