Quase cinco meses após a luta, Dustin Poirier cumpre promessa de fazer doação para projeto social apoiado por Charles Oliveira, faz doação e posta cheque simbólico no valor de US$ 20 mil nas redes sociais.

Promessa é dívida

Um gesto nobre do MMA agitou a internet nesta semana: o lutador do UFC Dustin Poirier fez uma doação de quase 100 mil reais (10 mil dólares convertido em reais) para o projeto social apoiado por Charles do Bronx.

A promessa de dezembro de 2021 foi feita após a luta dos dois, quando o brasileiro fez sua primeira defesa de cinturão peso leve.

A doação faz parte do projeto do lutador americano chamado "The Good Fight Foundation", que apoia iniciativas como a do "Instituto Charles do Bronx".

Cheque em nome do Instituto Charles do Bronx - Imagem: Instagram de Dustin Poirier

- Promessa feita, promessa cumprida! Estamos apoiando Charles e sua missão de capacitar os jovens no Brasil. Tudo de bom para você em sua próxima defesa de título - postou Dustin nas redes sociais de seu instituto.

O Instituto Charles do Bronx

O Instituto CB é tocado pelo próprio atleta, que destina recursos próprios como seus próprios treinadores para dar aulas gratuitas para crianças carentes.

Charles Oliveira quando venceu Dustin Poirier - Imagem: UFC

O projeto sem fins lucrativos criado pelo campeão do UFC tem o objetivo de apoiar crianças e jovens do Guarujá - SP, ensinando a prática de jiu jitsu e MMA e dando mentoria para que eles fiquem longe das drogas e da violência.

Além de Charles, os membros da equipe Talita e o Maestro Alexandre dedicam-se à difusão dos valores compartilhados pelo campeão do UFC, demonstrando total apoio à causa. Sem apoio do governo, o Instituto depende de doações, trabalho voluntário e de contribuições pessoais de Charles.

A doação feita por Dustin ajudará o instituto nos custos com a academia, transporte para eventos, alimentação, inscrição em eventos, entre outros custos operacionais.

Para manter o projeto, Charles revelou que já trocou o dinheiro de patrocinadores por itens para o projeto, como cestas básicas e quimonos.

- O Dustin doou 20 mil dólares para a minha instituição. É um ponto que eu quero falar: a minha instituição de caridade, ela é feita por mim, pelo Charles Oliveira. Desde que eu me entendo por gente, fiz esse projeto. Não é um projeto feito pela prefeitura ou como uma ONG. Não. O projeto é meu. Eu pego cesta básica, um patrocinador fecha comigo, por exemplo: fecho luvas com o cara, aí eu peço 50 luvas a mais para eu dar para o meu projeto - revelou o campeão.

Charles do Bronx retorna ao octógono no próximo dia 7 de maio contra Justin Goethe para sua segunda defesa do cinturão dos leves. Já  Dustin Poirier ainda não tem compromisso marcado no UFC.




Compartilhe esse conteudo