Fundado no Chipre em 1954, o Doxa Katokopias está entre os clubes de futebol mais famosos do Médio Oriente.

O time que disputa o mais importante campeonato de futebol da ilha de Chipre, o Campeonato Cipriota de Futebol, está sediado em Peristerona, devido à ocupação turca que aconteceu em 1974, forçando a equipe a se mudar de local.

Seu nome tem como base dois importantes significados, visto que o termo Doxa significa Glória na língua grega, e o Katokopias, faz referência a Katokopia, uma vila localizada no distrito de Nicósia.

O futebol com o apoio da igreja

Apesar de o clube de futebol já ter surgido em 1954, os jogadores não tinham nenhuma estrutura para realizar as partidas informalmente, como era feito na época.

Porém, como o presidente do time tinha uma ligação com a igreja, ela acabou cedendo um espaço no seu terreno para que os jogos acontecessem

De acordo com as informações no site oficial do clube, naquela época o campo era de barro com as lareiras de madeira sem redes e as áreas formadas com cal.

Somente em 1971, quando o futebol começou a ser jogado de maneira profissional, o clube Doxa THOI Katokopias tornou-se membro ativo da Federação de Futebol de Chipre.

O time conquistou a sua participação na divisão A do campeonato, somente na temporada de 1998/1999, entretanto não conseguiu ser o campeão daquele ano. Ao contrário disso, o clube acabou sofrendo o temido rebaixamento.

Em seguida, o Doxa vivenciou quase oito anos oscilando entre a primeira e a segunda divisão do campeonato, sem ter nenhuma estabilidade nas divisões.

Mas, esse período difícil para clube acabou passando e ele voltou para os holofotes da divisão A, onde ficou durante quatro anos consecutivos.

Após alguns rebaixamentos o Doxa Katokopias encontrou seu caminho e conseguiu a estabilização na elite do futebol de Chipre, isso porque desde a temporada de 2012/ 2013 o clube segue a primeira divisão, sendo esta temporada de 2021/2022, a sua 10.ª participação seguida na divisão A do campeonato. Um verdadeiro marco na história do clube.

O emblema da águia de duas cabeças

O emblema do Doxa Katokopias é uma águia verde de duas cabeças, uma virada para o lado esquerdo e outra para o lado direito.

Apesar do clube não informar o significado do brasão em seu site, acredita-se que a águia bicéfala representa o poder e a nobreza do conhecimento, algo que tem uma ligação com a história do time.

Estádio Makario: a casa do Doxa Katokopias e de outros clubes

Estádio Makario onde o clube manda seus jogos - (Foto: Fenomenal Raven FCB)

Localizado em Engomi, no Chipre, o Estádio Makario foi o maior e principal recinto desportivo da capital até 1999 quando foi construído o estádio de New GSP, situado em Nicósia. Justamente por isso ele é um marco na lembrança dos moradores da ilha.

O local tem capacidade para atender até 16 mil torcedores nas partidas. O estádio também recebe eventos de atletismo, por conta da longa pista de corrida que possui ao redor do campo.

O espaço do Makario, além de ser a casa do Doxa Katokopias também é usado por outros clubes, como o Digenis Morphou e o Ethnikos Assia.

Elenco do time Doxa Katokopias FC

Jogadores do Doxa comemorando um gol durante partida do Campeonato do Chipre (Foto: Reprodução / Facebook Doxa Katokopias FC)

O Doxa possui um elenco de quase 30 atletas, com uma faixa etária média de 25 a 26 anos. Uma das maiores estratégias do clube na elaboração do time é contar com grande parte de jogadores estrangeiros, que permitem que as disputas sejam mais dinâmicas em campo.

Vale destacar que mesmo o elenco do time sendo formado por mais de 50% de estrangeiros, na temporada de 2022 nenhum deles é de nacionalidade brasileira.

Atualmente o clube está sob o comando do treinador Ilias Charalampous, de 41 anos, que tem dupla nacionalidade, uma delas o próprio Chipre.

O técnico possui um contrato com o Doxa Katokopias por tempo indeterminado, e tenta aplicar no comando da equipe toda a experiência que adquiriu nas suas passagens por grandes clubes de futebol, como no Ethnikos e no AEK Larnaca.

Além disso, Ilias teve uma longa carreira como jogador, o que também contribui com as suas estratégias táticas no clube.

Aposta em um novo atacante

Arte de boas-vindas para o atacante Giorgos Pontikou, mais recente jogador contratado por empréstimo pelo Doxa - (Foto: Reprodução do site oficial do Doxa Katokopias)

O Doxa realizou recentemente a contratação por empréstimo de um novo atacante para a equipe, o Giorgos Pontikou, que chega do Apollon Limassol, também do Chipre. O atleta já se apresentou ao clube e escolheu a camisa de número 77 para atuar.

O jogador, que tem apenas 19 anos, é estimado para trazer bons resultados para a equipe, pois apesar da sua pouca idade, ele já teve passagens memoráveis em outras competições.  

Na A-Junioren Bundesliga Süd/Südwest, por exemplo, Giorgos esteve em três jogos, e conseguiu balanças as redes em todos eles. No site do Doxa Katokopias, o clube desejou boas-vindas para o jogador e estimou que ele tenha muito sucesso na sua trajetória pelo clube.  

Doxa na temporada de 2021/2022

Goleiro da equipe realizando uma defesa em uma das últimas partidas do clube pelo Campeonato Cipriota - (Foto: Facebook / Doxa Katokopias)

Na temporada de 2021/2022, o Doxa não tem conseguido sair vitorioso das disputas que enfrentou, e já fica na lanterna da tabela, arriscando perder a sua vaga na divisão A, que ele mantém consecutivamente há muitos anos.

Como o Campeonato Cipriota de Futebol acontece no formato todos contra todos, com partidas de turno e returno, a estimativa do Doxa Katokopias é recuperar-se dos seus últimos resultados — que foi intercalado por empates e derrotas — e alcançar pontos que possam melhorar a sua posição no campeonato.

É importante destacar que, na temporada de 2021/2022 do Campeonato Cipriota de Futebol o favorito é o Apollon Limassol - mesmo time que emprestou o atacante Giorgos Pontikou para o Doxa.






Compartilhe esse conteudo