Equipe paranaense tem boa vantagem para o jogo da volta no domingo (27/03)

O Coritiba largou na frente na semifinal do Campeonato Paranaense. A equipe do Coxa bateu o maior rival, diante da Arena da Baixada lotada. O time de Gustavo Morínigo teve em Alef Manga, o principal destaque do jogo.

Agora, o Athletico precisa vencer o maior rival, no estádio do Coxa, por dois gols de diferença, para se classificar à grande decisão do Campeonato Paranaense de 2022. A partida mostrou também, a insatisfação do torcedor do Furacão, que vaiou o time após o apito final.

Grupo de pessoas em campo de futebol

Descrição gerada automaticamente
Comemoração do Coxa na Arena da Baixada. Foto: Twitter

Alberto Valentim, técnico do Furacão, foi o mais xingado pelos torcedores e gritos de “Fora Valentim”, ecoavam na Arena da Baixada após a partida da equipe paranaense. O treinador agora, chega pressionado para a partida do final de semana.

Primeiro tempo de muitos gols, e domínio do Coritiba na partida

Logo no minuto inicial da partida, uma reclamação por parte do Athletico. Terans, atacante e um dos principais jogadores do time, caiu dentro da área do Coritiba. O árbitro da partida, Héber Roberto Lopes porém, nada marcou e a partida seguiu.

Na sequência, o que foi visto, foi o crescimento do Coritiba na partida, e um jogo aberto, já que o Athletico também se lançava ao ataque. Aos 10 minutos, o primeiro gol do jogo é marcado.

Jogador de futebol

Descrição gerada automaticamente com confiança média
Alef Manga comemora com os companheiros o primeiro gol da equipe. Foto: Twitter

Após jogada trabalhada do Coxa na entrada da área, a bola caiu no lado direito do ataque do Coritiba, e Alef Manga chutou no contrapé do goleiro Santos. 1 a 0 para o Coritiba, e festa do time do Coxa na Arena da Baixada.

Logo na sequência, aos 15 minutos da etapa inicial, o Athletico empata a partida. Jader, jovem atacante do time paranaense, fez uma boa jogada pelo lado esquerdo da defesa do Coritiba, e cruzou. A bola procurou Terans, que encheu o pé, e empatou a partida para o Furacão. 1 a 1.

Jogador de futebol com jogadores no campo

Descrição gerada automaticamente
Terans comemora gol do Athletico. Foto: Twitter

Na reta final do primeiro tempo, em uma jogada despretensiosa, a bola sobrou na área para Alef Manga. O jogador fuzilou Santos, e fez o segundo gol do Coritiba no jogo. 2 a 1 para o Coxa dentro da casa do Athletico.

Segundo tempo é marcado pela pressão do Athletico

Com a chegada da etapa final da disputa entre os dois rivais, a expectativa era de um Athletico em busca do gol de empate. O Furacão veio com tudo no segundo tempo, e parou em Alex Muralha, goleiro do Coxa.

Durante a etapa final, foram diversas chances para o Furacão empatar e até virar a partida. Além disso, o que se viu em campo foi a desorganização da equipe comandada por Alberto Valentim, dependendo da individualidade dos jogadores.

O treinador, inclusive, foi expulso aos 40 minutos do segundo tempo, depois de reclamação com o árbitro. Antes do apito final, o Coxa ainda teve uma chance de aumentar o marcador, com Léo Gamalho. O chute do atacante parou na defesa de Santos.

Grupo de pessoas jogando futebol em um campo

Descrição gerada automaticamente
Coxa saiu na frente na primeira partida da semifinal. Foto: Globo Esporte

No apito final, as vaias e xingamentos ao técnico do Athletico, tomaram conta do estádio do Furacão. Agora, a equipe paranaense precisa vencer o adversário pela diferença de dois gols, na casa do Coritiba. A partida de volta das semifinais do Campeonato Paranaense, acontece no próximo domingo (27/03), a partir das 16:00 (horário de Brasília).

Quer ficar ligado em tudo o que acontece no futebol do Sul do país? Aqui no Bets, você não perde nenhum lance e vive ligado em tudo o que rola no mundo da bola!
Compartilhe esse conteudo