Timão vai subir a 3600 metros acima do nível do mar para enfrentar o pequeno clube boliviano na estreia da Copa Libertadores da América

O Corinthians viajou ontem, na tarde de segunda-feira, para a Bolívia, na preparação para o duelo contra o Always Ready. Como a partida será disputada a 3600 metros de altitude, a delegação foi primeiro para Santa Cruz de La Sierra, que fica 400 metros acima do nível do mar. A ideia do clube é chegar em La Paz somente em cima da hora do jogo, de forma a diminuir os efeitos adversos.

Esta também foi a estratégia adotada pela seleção brasileira no mês passado, quando venceu os donos da casa por 4 a 0. No entanto, puxando pelo histórico, o Inter também fez o mesmo no ano passado e perdeu por 2 a 0.

Alvinegros aproveitaram bastante a semana para absorver pela primeira vez a proposta de jogo de Vítor Pereira

De qualquer modo, a primeira partida do Timão nesta edição da Libertadores da América terá também desfalques. Raul sentiu um desconforto e foi cortado antes mesmo da viagem. Quem já estava de fora era o lateral Fagner, bem como Luan. Além deles, Júnior Moraes, com dores, também estará de fora.

O técnico português Vítor Pereira teve a primeira semana livre para treinar, já que o Corinthians foi eliminado pelo São Paulo nas semifinais do Campeonato Paulista. A ênfase no último treino foi para as bolas paradas, que podem ser decisivas tanto no ataque quanto na defesa, já que o ar rarefeito muda a velocidade da bola. No entanto, será preciso uma adaptação rápida no estádio Hernando Siles para perceber a diferença no ritmo da pelota.

Aos 29 anos, o meia Pedrinho é conhecido em Portugal pelas assistências


Assim, o possível onze inicial do Corinthians deve ter Cássio no gol, João Pedro na direita e Lucas Piton na esquerda, com João Victor e o criticado Gil no miolo de zaga. No meio, Maycon pode fazer a sua reestreia pelo Timão, como segundo volante. Na cabeça de área, Du Queiroz, ao lado de Renato Augusto. Na frente, Adson, Willian e Róger Guedes.

Apesar de ter passado os últimos dias envolvido em faltas de treinamento, o atacante Jô tem um desempenho muito bom nesta temporada, portanto também pode acabar começando a partida. Outras opções são entrar com Paulinho ou até Cantillo. Vale lembrar que na altitude, mudanças de última hora não são incomuns, já que cada jogador reage de uma maneira ao novo ambiente.

Neste século, esta será a 12a participação do Corinthians na Copa Libertadores da América. Em estreias, são 5 vitórias, 4 empates e apenas 2 derrotas. O Timão venceu a edição de 2012, sobre o Boca Juniors, conquistando também o Mundial de Clubes sobre o Chelsea no fim do ano.

Vem mais jogador por aí?

O técnico Vítor Pereira já começou a botar as manguinhas de fora no Timão e pediu dois reforços. O meia Pedrinho, destaque do Gil Vicente e eleito o melhor jogador da liga portuguesa no segundo mês deste ano, e o lateral direito Rafael Ramos, do Santa Clara. Este tem mais possibilidade de se transferir já, uma vez que o seu contrato com o pequeno clube português acaba no fim de junho.

No entanto, ambas as negociações são complexas, já que seria preciso inscrever os jogadores até o dia 12 de abril, do contrário, eles só poderiam jogar a partir da reabertura da janela de transferências no meio do ano.

Compartilhe esse conteudo