Moses atualmente joga no clube russo Spartak Moskou, e começou sua trajetória no futebol profissional em 2007.

Victor Moses, Nigéria, FutebolVictor Moses nasceu no dia 12 de dezembro de 1990 (31 anos) em Lagos, na Nigéria. Ele tem 1,77m de altura e é destro.

O jogador atua como ala em ambos os flancos do clube Spartak Moscou, que disputa da primeira divisão da Rússia. Moses já joga no Spartak desde 2020, mas antes era emprestado pelo Chelsea, o clube russo comprou o jogador em julho de 2021 e efetivou sua transferência.

Além do Spartak Moscou, Victor atua também defendendo a Seleção Nacional da Nigéria desde 2012. A última vez que ele jogou pela seleção foi na Copa do Mundo de 2018, no total, desde sua estreia, o nigeriano disputou 37 jogos e marcou 12 gols pelo seu país.

O atual valor de mercado de Moses é igual a 5 milhões de euros (equivalente a 25,3 milhões de reais). Esta quantia faz do atleta o 8° jogador mais valioso do Spartak.

Ao longo de sua carreira, Moses conquistou diversos troféus, confira a seguir os principais:

  • 2x vencedor da Liga Europa – Chelsea FC (2012/13 e 2018/19)
  • 1x Campeão Africano - Nigéria (2013)
  • 1x Campeão da Inglaterra – Chelsea FC (2017)
  • 1x Vencedor da Taça da Ingraterra (2018)

Trajetória Profissional

Crystal Palace

Moses fez sua estreia pelo Palace aos 16 anos em 6 de novembro de 2007 em um empate em 1 a 1 com o Cardiff City, na primeira divisão inglesa.

Ele marcou seu primeiro gol pelo clube em 12 de março de 2008, em um empate por 1 a 1 com o West Bromwich Albion.

No total, Moses jogou 16 vezes em 2007/08, quando o Palace chegou aos playoffs do Campeonato, onde perdeu para o Bristol City.

Em 2009/10, Moses teve uma série de seis gols em oito partidas, mas o Palace estava sofrendo enormes problemas financeiros, o clube entrou em falência administrativa em janeiro de 2010.

Wigan Atlético

No último dia de janeiro de 2010, o atleta completou uma transferência de 2,5 milhões de euros para o Wigan Athletic, da Premier League.

Ele fez sua estreia em 6 de fevereiro de 2010 e marcou seu primeiro gol pelo Wigan no dia 3 de maio de 2010, contra o Hull City.

Sofreu duas lesões no início da temporada 2010/11 e por conta disso começou a ficar no banco.

Após a saída do ala Charles N'Zogbia, Moses voltou a ser titular regular do Wigan na temporada 2011/12. Em 10 de dezembro de 2011, ele marcou seu primeiro gol da temporada contra o West Brom.

Chelsea

Em 23 de agosto de 2012, o jogador foi transferido para o Chelsea, na quinta oferta do clube, depois que eles finalmente atingiram o preço pedido do Wigan, um valor de 11,5 milhões de euros.

Victor Moses do Chelsea durante a partida da International Champions Cup entre Chelsea e Inter de Milão no Allianz Riviera Stadium em 28 de julho de 2018 em Nice, França. (Foto de Pascal Della Zuana/Icon Sport via Getty Images)

Moses disputou seu primeiro jogo pelo Chelsea, como substituto, contra o Queens Park Rangers, em 15 de setembro de 2012. Sua estreia como titular ocorreu no jogo da Copa da Liga, contra o Wolverhampton, ele marcou seu primeiro gol nessa partida, que terminou em 6 a 0 para o Chealsea.

Em 3 de novembro de 2012, Moses marcou seu primeiro gol na Premier League pelo Chelsea na partida contra o Swansea City, que terminou em um empate por 1 a 1.

Quatro dias depois, ele marcou seu primeiro gol na Liga dos Campeões pelo Chelsea, contra o Shakhtar Donetsk

Em 2 de setembro de 2013, Moses assinou com o Liverpool, um contrato de empréstimo de uma temporada, jogando 22 jogos, dos quais em apenas nove foi titular.

Em 16 de agosto de 2014, Moses se juntou ao Stoke City por empréstimo, para a temporada 2014/15, uma temporada considerada de sucesso, exceto pela lesão que o descartou do final da campanha. No total, o atleta disputou 23 jogos e margou 4 gols pelo Stroke.

Moses voltou ao Chelsea e fez aparições em todos os quatro jogos da pré-temporada, marcando um gol, contra o Paris Saint-Germain.

Em 1 de setembro de 2015, Moses se juntou ao West Ham United por um empréstimo de uma temporada.

Antes de se juntar ao West Ham United por empréstimo, Moses assinou um novo contrato de quatro anos, que o manterá no Chelsea até 2019.

Durante a temporada no West Ham United o jogador disputou 26 partidas, marcou 2 gols e fez 2 assistências.

Victor Moses, do West Ham United, e Brad Smith, do Liverpool, competem pela bola durante a partida da quarta rodada da Emirates FA Cup entre Liverpool e West Ham United em Anfield, em 30 de janeiro de 2016, em Liverpool, Inglaterra. (Foto de Clive Brunskill/Getty Images)

Ao retornar para o Chelsea, Moses impressionou o novo técnico Antônio Conte durante a pré-temporada, o que o incluiu na equipe principal do time.

Moses jogou 40 jogos em todas as competições pelo Chelsea na temporada 2016/17, marcando quatro gols. Com o Chelsea conquistando o título da Premier League, Moses se tornou o jogador nigeriano com mais aparições na Premier League por um time vencedor do título.

Em janeiro de 2019, Moses assinou um contrato de empréstimo de dezoito meses com o time turco, Fenerbahçe.

Em 1 de fevereiro de 2019, Moses marcou seu primeiro gol pelo Fenerbahçe na vitória por 2 a 0 sobre o Göztepe.

Depois que o acordo com o Fenerbahçe foi interrompido, Moses assinou com a Inter de Milão em um contrato de empréstimo por seis meses com opção de compra.

Em 15 de outubro de 2020, Moses se juntou ao Spartak Moscow, clube da Premier League russa, em um empréstimo por uma temporada com opção de compra.

Spartak Moscou

Em 2 de julho de 2021, o Chelsea confirmou que Moses havia concluído uma transferência permanente para o Spartak Moscou no valor de 5 milhões de euros, encerrando sua associação de nove anos com o clube.

Recentemente, em 10 de fevereiro de 2022, Victor estendeu seu contrato com o Spartak até 2024. Desde sua estreia no clube até hoje, o nigeriano já disputou um total de 47 partidas, marcou 6 gols e deu 8 assistências pelo Spartak.

Seleção Nigeriana de Futebol

Moses foi convocado pela primeira vez para a seleção da Nigéria na Copa das Nações Africanas de 2013. Nesse ano ele foi campeão africano junto com sua seleção

Moses foi selecionado novamente para a seleção da Nigéria na Copa do Mundo FIFA de 2014. Ele jogou na partida de abertura do grupo e na partida das oitavas de final contra a França, perdendo por 2 a 0.

Após a ascensão de Gernot Rohr como treinador principal da Nigéria em agosto de 2016, Moses participou regularmente das partidas de qualificação da FIFA 2018.

Em maio de 2018, ele foi nomeado para a seleção preliminar de 30 jogadores da Nigéria para a Copa do Mundo de 2018 na Rússia, onde conseguiu um empate crucial contra a Argentina, no entanto, a Nigéria perdeu o jogo nos minutos finais e foi eliminada.

Após o torneio de 2018, foi anunciado por Moses em 15 de agosto que ele se aposentaria dos jogos da Nigéria no futebol internacional.

Victor Moses da Nigéria durante a partida do grupo D da Copa do Mundo da FIFA Rússia 2018 entre Nigéria e Islândia na Volgograd Arena em 22 de junho de 2018. Volgograd, Rússia. (Foto de Catherine Ivill/Getty Images).
Compartilhe esse conteudo