Após algumas análises, foi concluído que o clube carioca tem explorado pouco as regiões laterais do campo, e o treinador cobra maior pressão na saída de bola dos adversários.



O objetivo de Zé Ricardo é uma nova postura ofensiva contra a equipe da Chapecoense.

E após várias cobranças, Zé Ricardo subiu o tom com a equipe carioca e aumentou a intensidade dos treinos no CT Moacyr Barbosa. O treinador cobrou reação imediata da equipe, que iniciou mal a Série B, com dois empates.

A principal mudança que Zé almeja é no sistema ofensivo da equipe, que foi considerado pouco criativo nas duas primeiras rodadas da competição.

No treino desta quarta (20/04), por exemplo, o treinador trabalhou muito a questão da criação ofensiva, além de cobrar uma maior pressão na saída de bola do adversário. Já havia sido assim na terça, quando a imprensa teve acesso à parte da atividade.

Foto tirada durante um treino do Vasco da Gama. Foto: Site oficial do clube.

A conclusão como foi dito acima, é que a equipe carioca tem deixado a desejar nesses dois quesitos e isso tem prejudicado a performance do clube que hoje busca melhores desempenhos em campo.

Para a comissão técnica, os últimos adversários tiveram muita tranquilidade para construir as jogadas desde o campo de defesa, e com isso, os mesmos querem mudar isso já no jogo contra a Chapecoense, nesta sexta, que acontecerá na Arena Condá.


Outra questão que foi muito trabalhada ao longo desta semana foram as jogadas criadas pelos lados do campo. O técnico da equipe carioca cobrou que os atacantes de lado se aproximem mais de Raniel e Nenê, que jogam mais centralizados.

A comissão técnica treinou triangulações pelos lados de campo para dar mais opções aos atacantes, e os mesmos querem também que os jogadores cheguem à área adversária para concluir as jogadas com mais firmeza. E resumidamente o Vasco procura hoje ser mais ofensivo e incisivo contra a defesa adversária.

A equipe carioca concluiu a preparação para o jogo nesta quinta, em treino pela manhã no CT Moacyr Barbosa. A delegação embarca hoje para Chapecó. Na terça, em atividade aberta para a imprensa, Zé Ricardo repetiu o time que iniciou o jogo contra o CRB, na semana passada.


Os recém-contratados Zé Vitor e Danilo Boza talvez entrem em campo defendendo a camisa do Vasco. Nenhum dos dois, no entanto, está cotado para começar jogando no jogo contra a Chapecoense.

A maior expectativa é em relação a Carlos Palácios. O mais provável, porém, é que a estreia do meia chileno aconteça somente na próxima quarta, contra a Ponte Preta, em São Januário.

Imagem de Carlos Palacios com a camisa do Vasco. Foto: UOL. 

E você, acha que após essas mudanças internas o Vasco finalmente irá melhorar o seu desempenho dentro de campo?

Continue acompanhando a Bets para ficar ligado em tudo que rola no futebol brasileiro e mundial!!

Compartilhe esse conteudo