A França tem grandes craques pelo mundo e um deles se chama Anthony Joran Martial, ou apenas Anthony Martial, como é mais conhecido no futebol.

O jogador nasceu no dia 5 de dezembro de 1995 em Massy, uma comuna francesa no sudoeste de Paris.

Martial começou sua carreira no Lyon e atualmente veste a camisa do Sevilla da Espanha. Com 1,83 m, o atacante já passou por gigantes da Europa mostrando o talento com a bola nos pés.

Além de suas conquistas coletivas, em 2015 conseguiu o prêmio Golden Boy, dado ao melhor jogador com menos de 23 anos atuando em continente europeu.

A trajetória de Anthony Martial

Os primeiros passos do atacante Anthony Martial foi em um clube da frança, inclusive um dos mais conhecidos, o Lyon. Martial ingressou na base do time em 2009, ficando até 2012, quando foi então promovido ao elenco principal.

Sua estreia aconteceu no dia 6 de dezembro de 2012, quando tinha apenas 17 anos em partida válida pela Liga Europa.

O duelo foi diante do Hapoel Ironi Kiryat Shmona e o atleta ingressou no jogo ao final do segundo tempo, nos 35 minutos, substituindo Yassine Benzia. O resultado? Vitória para o Lyon, por 2x0, iniciando a carreira com o pé-direito.

Anthony Martial em atuação com a camisa do Lyon. (Foto: Panoramic)

Mesmo após poucas, mas boas partidas, o atleta começou a atrair os olhares de um outro clube Francês, o Mônaco, para onde se transferiu em 2013.

No Lyon, o atleta fez apenas quatro jogos oficiais como profissional e deu uma assistência. Deixou seu time formador sem nenhum título na bagagem.

A primeira transferência da carreira

O Mônaco acertou a contratação do jogador francês logo ao final da primeira temporada pelo clube como profissional.

A negociação foi confirmada em 30 de junho de 2013, vinculando o jogador à equipe francesa por três anos. Aliás, para tirar Anthony Martial do Lyon, o Mônaco precisou pagar 5 milhões de euros.

Jogador francês comemorando o gol pelo Mônaco, seu segundo time. (Foto: Valery Hache/AFP)

Ao longo da sua passagem pelo clube da França, o atleta atuou em 70 partidas, marcou 15 gols e colaborou com oito assistências, um desempenho de destaque. Porém, como aconteceu no Lyon, não conquistou nenhum título, antes da transferência para o futebol inglês.

A chegada ao Manchester United

Após fazer boas temporadas com a camisa do Mônaco, não seria surpresa que um clube de maior expressão no futebol mundial tentaria tirar o atleta da França. E foi o Manchester United que conseguiu o feito. O clube inglês contratou Martial no dia 1º de setembro de 2015 pelo valor de 60 milhões de euros.

Logo em sua primeira partida vestindo o manto dos Red Devils, mostrou seu cartão de visita e anotou seu gol diante do rival Liverpool, em duelo que terminou 3x1, válido pela Premier League.

Anos depois, no dia 24 de junho de 2020, o jogador entrou para a história do Manchester United ao marcar um hat-trick, fato esse que não acontecia desde que Alex Fergusson atuou pelo clube inglês. O feito foi diante do Sheffield United, também pela Premier League.

O jogador se tornou campeão pelo clube inglês

E foi com a camisa do Manchester United que Anthony Martial conquistou seu primeiro título na carreira, a Copa da Inglaterra da temporada 2015/2016. Já em 2016, o jogador ainda se tornou campeão da SuperCopa da Inglaterra.

Mas, saiba que não parou por aí, isso porque na temporada seguinte, de 2016/2017, ele conseguiu mais um título importante na carreira, que foi a Liga Europa, derrotando o Ajax, por 2x0 na final. Taça inédita tanto nas mãos de Anthony Martial, quanto para o Manchester United.

O ano de 2017 foi incrível para Martial, que ainda conquistou mais um título: a Copa da Liga da Inglaterra.

Anthony Martial conquistou muitos títulos com a camisa do Manchester United. (Foto: Getty Images)

Porém, recentemente seu desempenho não estava agradando à diretoria nas últimas temporadas, quando o clube decidiu por emprestá-lo em 2022.

Antes de sair da Inglaterra, Martial atuou em 269 jogos no Manchester United, marcou 79 vezes e ainda deu 50 assistências.

Mudança de ares: o primeiro empréstimo de sua carreira

Mais um capítulo da história de Anthony Martial passou a ser escrita, só que dessa vez na Espanha, quando vestiu a camisa do Sevilla.

A contratação por empréstimo aconteceu no dia 26 de janeiro de 2022, e o clube poderá ficar com o jogador, sem a opção de compra, até junho deste ano.

A expectativa é que o atleta tenha mais tempo em campo e possa, novamente, mostrar todo o seu talento ao mundo da bola.

O jogador tem contrato com os Diabos Vermelhos até 2024. Atualmente, o valor de mercado do atleta está estipulado em 28 milhões de euros para tirá-lo da Inglaterra, caso o Sevilla queira continuar com o francês que veste a camisa 22 em seu elenco a partir de junho.

Jogador é apresentado pelo Sevilla, da Espanha. (Foto: Fran Santiago/GettyImages)

Anthony Martial na seleção da França

O jogador deu seus primeiros passos na seleção francesa ainda nas categorias de base, do sub-16 a sub-21 Isso até ser de fato convocado para atuar no elenco principal, com grandes nomes do futebol de seu país.

Martial estreou com a camisa dos Les Bleus, apelido da seleção da França, no dia 4 de setembro de 2015, durante um amistoso contra Portugal. A vitória foi da seleção francesa, por 1x0.

Jogador atuando com a seleção francesa. (Foto: Getty Images)

O primeiro gol do atleta veio na vitória em cima da Itália, por 3x1, no dia 1 de setembro daquele ano em um amistoso. Suas boas atuações em campo renderam também a convocação para atuar na disputa da UEFA Euro de 2016.


Pela Seleção da França, já são 30 jogos e dois gols marcados. O jogador pode ser peça chave do atual técnico para surpreender na Copa do Mundo de 2022, a ser realizada no Catar. Com a França, ele conquistou a Liga das Nações da UEFA em 2021, diante da Espanha.

Resta saber se o jogador voltará a brilhar com a camisa do Sevilla ou iniciará uma rotina de empréstimo, até o término do seu contrato com o Manchester United. Façam suas apostas.







Compartilhe esse conteudo